• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Comunicadores se reúnem em Cuiabá nessa quinta-feira, 21/11

Fenaj e Sindicatos de Jornalismo denunciam a inconstitucionalidade da Medida Provisória 905/2019

Publicado: 19 Novembro, 2019 - 13h35 | Última modificação: 19 Novembro, 2019 - 14h09

Escrito por: SINDJOR/MT

notice

Jornalistas de todo o país debatem esta semana a derrocada da regulamentação profissional provocada pela Medida Provisória 905/19 de Bolsonaro. Em Cuiabá a assembleia será às 19h30 do dia 21/11 (quinta-feira), na sede do Sintep/MT.

A convocação para a “Assembleia Nacional dos Jornalistas em Defesa do Registro”, feita pelo Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso (Sindjor/MT), é direcionada também a radialistas, publicitários e estudantes de comunicação. “Todos os profissionais da Comunicação ficam ainda mais fragilizados a partir dessa Medida Provisória. Nós precisamos reagir a mais essa agressão”, afirmou  Itamar Peranha, presidente do Sindjor/MT.

Além dos ataques que atingem todos os trabalhadores, por meio da Reforma Trabalhista, Reforma da Previdência e o Plano Mais Brasil, os jornalistas enfrentam há alguns anos outras ofensivas direcionadas, como o fim da obrigatoriedade de formação específica e, mais recentemente, posturas hostis e violentas advindas de representantes públicos.

A MP 905/19 pretende desmantelar ao menos 14 profissões, cassando suas regulamentações com a justificativa de “facilitar a inserção de jovens no mercado de trabalho”. Embora alguns deputados federais tenham demonstrado desacordo com a MP, assinalando que o documento passará por alterações na Câmara, o Sindjor/MT ressalta que é hora de fortalecer a mobilização da categoria e, para isso, a participação de todos na assembleia dessa quinta-feira é imprescindível.

O Sintep/MT fica no Bairro Bandeirantes, Rua Mestre João Monge Guimarães, n° 102.