• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

CUT-MT e movimentos sociais entregam cestas básicas à famílias carentes de Cuiabá

A ação faz parte da campanha solidária “O povo pelo Povo” e integra o projeto que visa ajudar famílias que sofrem os impactos econômicos decorrentes da pandemia do novo coronavírus.

Publicado: 01 Junho, 2021 - 16h30 | Última modificação: 01 Junho, 2021 - 16h43

Escrito por: Assessoria/CUT-MT.

CUT-MT
notice
Entrega de cestas básicas em Cuiabá

A Central Única dos Trabalhadores de Mato Grosso (CUT-MT), em parceria com movimentos sociais como Frente Brasil Popular, MST, Levante pela Juventude, PT, PCdoB, entre outros, fez a entrega de cestas básicas à famílias carentes do bairro Jardim El Dourado em Cuiabá nesta terça-feira (01/06).

A ação faz parte da campanha solidária “O povo pelo Povo” e integra o projeto de diversos movimentos sociais que tem como objetivo ajudar famílias que sofrem os impactos econômicos decorrentes da pandemia do novo coronavírus.

Para o presidente da CUT-MT, Henrique Lopes, a solidariedade é um dos combustíveis que tem movido a classe trabalhadora. “Infelizmente o povo não tem sido assistido de maneira digna pelos governos federal e estadual. Não poderíamos ficar de braços cruzados uma vez que quem tem fome, tem pressa e a insegurança alimentar se agravou com a crise sanitária. Sendo assim, primeiro fizemos um apelo no dia do trabalhador, em 1º de maio deste ano, fazendo chamamento para recebermos as doações. Essas cestas entregues hoje são fruto dessa arrecadação”, disse Henrique.

A militante sindical Amandla Souza, do movimento Levante pela Juventude, acompanhou as entregas das doações e destaca a organização da classe trabalhadora no engajamento da campanha solidária. “Essa ação tem caráter permanente, começamos no início de 2020. De lá pra cá já distribuímos cerca de 20 toneladas de alimentos entre cestas básicas e produtos vindos da agricultura familiar de assentamentos da reforma agrária, e ainda, da Ong Fase”, disse.

As famílias que receberam as doações desta terça-feira, foram escolhidas a partir de um levantamento prévio. “Nesse bairro Jardim El Dourado onde fizemos a entrega hoje, já temos um outro projeto social de um cursinho pré-vestibular. Foi através desse cursinho que conseguimos fazer um mapeamento dessas famílias em situação de vulnerabilidade social e ajudar”, ressaltou Amandla.

O presidente da CUT-MT, Henrique Lopes, reforça que a campanha solidária continua e, por isso, quem quiser contribuir com doações de alimentos deve procurar a organização dos movimentos sociais envolvidos ou levar diretamente na sede da Central Única dos Trabalhadores, que fica na Rua São Benedito, nº 874, Bairro Areão em Cuiabá. “Diante de um governo que não olha e nem atua pelos mais pobres, nós estamos fazendo a nossa parte, não só cobrando e protestando contra essa política elitista que privilegia sempre os mais ricos, mas também, ajudando como podemos naquela necessidade que é a mais básica de todo ser humano, que é a alimentação”, disse Henrique.

Fonte: Assessoria/CUT-MT.