• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Depois de dois casos de Covid na Educação Sinop suspende aulas na rede municipal

As aulas no município de Sinop foram suspensas após dois profissionais da rede municipal de educação serem diagnosticados com Covid-19

Publicado: 20 Maio, 2020 - 20h28 | Última modificação: 21 Maio, 2020 - 09h23

Escrito por: Sintep/MT

notice

As aulas no município de Sinop foram suspensas após dois profissionais da rede municipal de educação serem diagnosticados com Covid-19. A medida anunciada as pressas pela Secretária Municipal de Educação, na manhã desta quarta-feira (20.05), confirma a preocupação que levou o Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) ao debate com a comunidade escolar, para sensibilizar e esclarecer sobre o risco que estariam correndo. Apesar dos inúmeros alertas foram necessárias duas vítimas para que a prefeita revisse o posicionamento de suspender as aulas iniciadas no dia 18 de maio.

O risco anunciado foi ignorado pela administração municipal, quando flexibilizou o funcionamento de setores não essenciais na cidade. Hoje, conforme notícias divulgadas o município está com 60% de ocupação dos leitos hospitalares destinados ao atendimento de Covid-19. Uma preocupação ainda maior para a Educação, pois desde o dia 4 de maio, os/as trabalhadores/as da educação são obrigados/as a irem até as unidades escolares principalmente, nas segundas-feiras, para entregar e receber dos pais atividades pedagógicas encaminhadas pela escola.

“A ação do executivo municipal foi arbitraria, contrariando inclusive o que a própria Associação Mato-Grossense dos Municípios (AMM) e a União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) orientam em todo o estado. Não dá para colocar as crianças em risco, profissionais da Educação e toda a comunidade em função de medidas personalísticas, desconsiderando a ciência e a vida da população em geral", afirma o presidente do Sintep/MT, Valdeir Pereira.

Assessoria/Sintep-MT